BIOphotos - Nature Stock Photos

BIOphotos, Fotos Natureza, Imagem Natureza, Banco Fotos, Banco Imagens, Photos, Images, Dicas, Imagenes, Royalty Free, Fotografia Imagens, High Resolution, Photo Sites, Photographs, Imagens Fotos, Images Bank, Stock Photos, Photos Search, High Definition

Blog

10 dicas para comprar uma camera digital

Posted on October 22, 2011 at 10:40 PM

Qual câmera comprar?


Qual a melhor marca de câmera digital?

 

 

 

Diante da enorme variedade de marcas e modelos existentes no mercado, é natural que o comprador fique em dúvida na hora escolher a câmera que melhor atenda às suas necessidades.

 

 Entender alguns dos principais recursos que as câmeras digitais oferecem é um bom começo para tomar uma decisão mais precisa. A seguir estão listadas algumas dicas básicas que o ajudarão a optar pela câmera de melhor custo benefício.

 

 De imediato, faça algumas perguntas: Qual o objetivo da compra, uso profissional ou pessoal? Quanto pretendo investir na compra da câmera fotográfica?

 

 

1 – MEGAPIXELS

 

A quantidade de megapixels não deve ser o único item a ser levado em consideração na hora da escolha da nova câmera. Uma ótima imagem será originada por vários fatores, como a qualidade do sensor, o uso dos recursos adequadamente e as objetivas utilizadas. Mais megapixels permitem grandes impressões e recortes no pós-tratamento das imagens sem perda expressiva de qualidade. São ideais para impressões em grande formato, como pôsteres.

 

 Os novos modelos de câmeras apresentam, em sua grande maioria, sensores de 12 MP, 14 MP, 18 MP e até 21 MP.

Para evitar que partículas de sujeira se acumulem sobre os sensores, alguns modelos possuem um mecanismo de vibração do sensor e até mesmo o acionamento de um jato de ar.

 

 

2 – ZOOM E OBJETIVAS (LENTES)

 

Se você procura uma câmera com muito zoom, saiba diferenciar o zoom óptico do zoom digital. O zoom óptico refere-se a um mecanismo que permite a variação da distância focal, ou seja, é o zoom real da câmera.

 

Já o zoom digital é feito por um software da câmera, este tipo de zoom simula uma aproximação de uma imagem, mas na verdade apenas amplia os pixels já captados, por isso resulta na perda da qualidade da foto.

 

Objetivas com menores valores “f” são mais luminosas, por exemplo, f/1.2, f/1.4 e f/2.8, assim, quanto menor seu valor, maior será a quantidade de luz captada.

 

As novas objetivas de câmeras DSLR apresentam o recurso que reduz as vibrações no momento do disparo e evitam que as imagens saiam tremidas. O recurso de estabilização de imagem é indicado pelas letras IS (Image Stabilization) nas objetivas Canon e VR (Vibration Reduction) nas lentes da Nikon.

 



 

 

3 – ISO (International Organization for Standardization)

 

O ISO indica a sensibilidade dos sensores das câmeras digitais em relação à luz. Maiores valores de ISO permitem fotografar em baixas condições de iluminação, como em uma mata densa, por exemplo, ou utilizar velocidades mais rápidas do obturador.  No entanto, ao se utilizar valores mais elevados de ISO, aumentasse o ruído, ou seja, mais evidente será a “granulação”da imagem.

 

Por outro lado, modelos modernos de câmeras digitais permitem utilizar valores de ISO ao redor de 1600 sem perda significativa na qualidade da imagem. As sensibilidades ISO podem ser facilmente ajustadas nas compactas e DSLR e seus valores normalmente variam entre ISO 100 e ISO 6.400. Além disso,alguns modelos apresentam o modo expansível para ISO 12.800 e até mesmo ISO 25.600.

 

 


  


 

4 – PILHA X BATERIA

 

Normalmente pilhas são mais baratas e podem ser adquiridas com maior facilidade, no entanto, costumam levar mais tempo para recarregar em relação às baterias. Ter pelo menos uma bateria sobressalente para sua câmera é uma ótima opção. Caso sua câmera utilize pilhas, dê preferência às recarregáveis.

 

 

5 – IMAGEM AO VIVO (LIVE VIEW)

 

As novas câmeras DSLR - Digital Single Lens Reflex ou "câmera digital de reflexo por uma lente" - apresentam o recurso de imagem ao vivo, ou seja, é possível fazer registros pelo monitor LCD. Nas câmeras DSLR mais antigas era possível apenas conferir o resultado pelo LCD, sendo o enquadramento feito pelo visor óptico. O recurso de imagem ao vivo torna-se útil para situações em que é difícil observar a cena apenas pelo visor óptico.

 

 

6 - GRAVAÇÃO DE VÍDEO

 

Se você busca uma câmera que produz vídeos em alta definição saiba diferenciar os modos de vídeo HD e Full HD. Os vídeos em HD (Hight Definition) apresentam resolução de 720 x 480 e são indicados para filmagens não profissionais e para serem compartilhados em websites, pois apresentam qualidade e possuem velocidade de download mais rápido. Por outro lado, vídeos na resolução em Full HD (1920 x 1080) com quadros selecionáveis de 24 p, 25 p ou 30 p, apresentam qualidade de cinema, no entanto, geram arquivos bastante pesados.

  

  

7– MONITOR ARTICULADO E LCD (LIQUID CRYSTAL DISPLAY)

 

O monitor articulado é prático para gravar vídeos e fotografar objetos difíceis de serem registrados pelo visor óptico ou pelo LCD comum, como objetos que estejam no chão, ou fazer uma foto no meio de uma multidão. Câmeras mais modernas possuem monitor articulado de 3 polegadas.

 



 

 

8 – FRAMES POR SEGUNDO (FPS)

 

Representa o número de imagens que a câmera captura em 1 segundo. Câmeras profissionais chegam a registrar até 10 fps. São úteis para registrar eventos esportivos, como jogos e corridas, em que os acontecimentos ocorrem em milésimos de segundo. 

 


9 – DURABILIDADE DO OBTURADOR

 

O obturador é um dispositivo que funciona como uma cortina que abre e fecha, controlando o tempo de exposição do sensor das câmeras digitais à luz. Mesmo as câmeras digitais mais modernas possuem um tempo de vida útil limitado pelo obturador. Assim, cada modelo de câmera digital possui uma média de “cliques” que podem ser feitos, antes que o equipamento fique gasto e precise ser enviado para a assistência técnica autorizada.

 

A durabilidade estimada do obturador da Canon EOS Rebel T1i, por exemplo, em condições ideais de uso, pode chegar a 100 mil ciclos. Por outro lado, o modelo Canon EOS 1D Mark IV pode atingir os 300.000 disparos.

 


10 – ASSISTÊNCIA TÉCNICA

 

Evite adquirir câmeras de marcas que não possuam assistência técnica autorizada no Brasil, a fim de evitar futuras complicações, caso sua câmera apresente algum problema. Marcas conceituadas como Canon e Nikon oferecem este tipo de serviço em território nacional.



 

Categories: None

Post a Comment

Oops!

Oops, you forgot something.

Oops!

The words you entered did not match the given text. Please try again.

You must be a member to comment on this page. Sign In or Register

0 Comments

Translator

English French German Spain Italian

Blog

Curta nossa página no Facebook e receba nossas atualizações!

Powered By | Blog Gadgets Via Blogger Widgets

 

Redes Sociais

Curtir no Facebook

Free Wallpapers